Últimas Notícias

Tribunal do Juri Popular condena a 40 anos prisão, jovem que matou duas pessoas e baleou outras quatro em festa no Clube da Cosern em Mossoró.

reu
O Tribunal do Juri Popular de Mossoró, em sessão de julgamento nesta quarta feira 10 de julho, condenou a 40 anos de prisão em regime fechado, o réu Douglas Rafael da Silva, de 19 anos de idade, por tentar promover uma chacina durante uma festa no antigo clube da Cosern, no Conjunto Abolição III em Mossoró RN, no ano de 2018.

Douglas Rafael, foi condenado por dois homicídios qualificados contra as pessoas de, Ellane Aline Jácome Xavier, e Moisés Wilkson da Silva Lopes, com sentença de 12 anos para cada um dos homicídios, quatro tentativas de homicídios qualificadas, contra as pessoas de, Ewerson de Castro da Silva, Jorgivan Kleber de Oliveira, Maria José de Oliveira e Maria Sandrinilda de Souza Lima com pena para cada uma de 4 anos, totalizando 40 anos de prisão em regime fechado.

O crime segundo o Ministério Público Estadual, o crime teria ligação com briga entre facções criminosas rivais. O grupo de Douglas teria ido ao local para matar um desafeto, mas acabou atirando contra inocentes.

O réu foi absolvido apenas da acusação de porte ilegal de arma de fogo. Douglas Rafael que estava aguardando o julgamento na Cadeia Pública, deverá ser transferido em breve para a Penitenciária Mário Negócio, onde deverá cumprir a pena de 40 anos no regime fechado da Penitenciária Mário Negócio.

Nenhum comentário