. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

JR BARROS VARIEDADES

JUNIOR DA BARROS VARIEDADES


TSE identifica mais de 2 mil títulos eleitorais com coincidências biométricas no RN



Até a última segunda-feira (09), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) revelou que 2.033 títulos eleitorais no Rio Grande do Norte estavam com coincidências biométricas. São 2.003 títulos duplicados e 30 com pluralidades. Em todo o Brasil, o número chega a 25.031 títulos eleitorais.
Segundo o órgão, as informações foram obtidas a partir da comparação das digitais dos quase 65 milhões de eleitores já cadastrados biometricamente no país (Veja AQUI).

Tais ocorrências foram identificadas pelo Sistema AFIS (sigla em inglês do Sistema Automático de Identificação de Impressões Digitais), tecnologia que permite fazer o batimento eletrônico das dez impressões digitais de cada eleitor cadastrado com as digitais do total de eleitores registrados no banco de dados da Justiça Eleitoral.

Utilizado pela Justiça Eleitoral desde 2014, o Sistema AFIS consegue comparar as impressões digitais relacionadas a 120 mil títulos eleitorais por dia. Como resultado da análise biométrica, o TSE aponta casos de duplicidade (quando uma mesma pessoa tem dois registros eleitorais) e de pluralidade (quando um eleitor dispõe de três títulos ou mais).

Será que em Marcelino Vieira ocorreu esta falha? Fica a pergunta.
6 de outubro de 2017




A politica está se aproximando e os benefícios estão chegando, vamos ficar de olho, uma vez que vai aparecer muitas coisas, fiquem atentos.

E o dinheiro esta vindo de onde para comprar esses ônibus? 

Sugestão:

Não seria melhor colocar em dia os salários dos servidores públicos estaduais? 

Junior 
sexta-feira, 6 de outubro de 2017 

Quero deixar meus sinceros sentimentos de pesar para o nosso amigo Subtenente Gilvan e seus familiares pelo falecimento de seu querido Pai.

O sepultamento foi no dia de ontem (05) no estado da Paraíba, mais uma vez meus
sentimentos.

JUNIOR DA BARROS VARIEDADES




Fonte: O Câmera




DO FACEBOOK DE CHAGAS PHOENIX...





29/09/2017







O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Og Fernandes lançou uma enquete em sua conta no Twitter sobre a possibilidade de uma intervenção militar no Brasil. Até agora, 88% votaram contra. Um seguidor repreendeu Fernandes: “O senhor já ouviu falar da Constituição Federal?”.


Como comprar online com economia e sem medo





Comprar qualquer coisa que precisar sem sair de casa, escolher o produto a hora que quiser e com toda a calma que precisar, comparar preços de diversas lojas e economizar no bolso são algumas vantagens das compras online. 



Apesar de tantos benefícios, muita gente ainda fica com o pé atrás na questão da segurança do pedido e entrega de produtos por meio de e-commerces. Conheça aqui algumas orientações para entender como comprar online com segurança e mais economia. 


Olhe primeiro os preços em marketplaces 



Quando vamos comprar online, normalmente o objetivo principal é encontrar preços menores do que em lojas físicas. Para auxiliar nessa tarefa, os marketplaces são ótimos sites para comparar preços entre as lojas. Marketplace é um portal de e-commerce colaborativo, quase como um shopping virtual. O lojista pode vender seus produtos através de um Marketplace de terceiros e o cliente, dentro de um só lugar, encontra produtos de diversos fornecedores e marcas. Alguns exemplos são Americanas, Amazon, Enjoei, Mercado Livre, Estante Virtual, eBay.



Compre de lojas com certificados de segurança



Uma das formas mais fáceis de garantir se a loja que você encontrou para comprar o que precisava é confiável é checando se ela possui certificados de segurança. Os certificados de segurança para servidores web ou certificados SSL/TLS identificam e garantem a autenticidade, privacidade e integridade dos dados de um portal. Existem dois tipos de selos que certificam um site: 



os que apenas monitoram a qualidade do serviço e os prazos determinados pelo site; 

o SSL (Secure Sockets Layer), que garante a autenticidade do domínio e cria um canal de criptografia entre o usuário e o servidor do portal. 




Esta última assegura que todos os dados em tráfego estão protegidos, ou seja, que não podem ser interceptados ou lidos por ninguém, a não ser o próprio destinatário. Isso significa que você pode inserir informações pessoais e dados do cartão de crédito com a confiança de um ambiente virtual protegido por um certificado digital SSL. Quando o usuário está em uma página SSL, esta pode ser identificada pela barra de endereço HTTPS:// ou pelo cadeado fechado ou colorido (verde/vermelho) em um dos cantos da página.




Analise todas as características do produto



Ao comprar pela internet, uma desvantagem é que você não tem o benefício de testar pessoalmente o produto como acontece nas lojas físicas. Por isso, é sempre importante se informar sobre todas as características do item antes de comprá-lo. Normalmente essas informações estarão descritas na página do produto, determinando o que vem junto com ele, seus materiais e dimensões. Se não encontrar tudo ali, procure pelo site do fabricante para mais informações.




Acompanhe seu pedido por todo o caminho



Logo após a compra, verifique sua caixa de e-mail. A maioria dos sites enviam a confirmação do pedido para o e-mail cadastrado, com o número do pedido e a previsão de entrega, além de um link para rastreamento do produto. Não esqueça de verificar também o lixo eletrônico.



Caso não tenha recebido, acesse sua conta no site, no campo “meus pedidos” do site da loja. Lá você deve encontrar o número do pedido e rastrear a entrega. Dessa forma você ganha mais segurança acompanhando cada etapa e sabendo que seu produto chegará a qualquer momento. Se tiver algum problema com a entrega, consulte as políticas de devolução ou reclamações no site.



O Código de Defesa do Consumidor é bastante rigoroso com compras online, além disso, várias entidades de auxílio e orientação ao consumidor podem te ajudar se houver problemas com a loja. Entre elas estão o Procon, o IDEC e o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça. Não se esqueça de guardar e-mails emitidos pelas lojas, comprovantes de pagamento, notas fiscais ou qualquer outro documento ou comunicado referente às suas compras.



4 portais que te ajudam a conseguir um emprego e sair da crise





Para 40% da população brasileira, a situação financeira está ruim. O principal motivo desse dado apontado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) são as dificuldades em pagar as contas e o orçamento limitado.



O desemprego foi mencionado por 32% dos participantes e continua sendo um problema de atenção fundamental no Brasil. Para tentar unir profissionais e empregadores, diversas plataformas online tem surgido e ajudado muita gente a conseguir um emprego mais rápido. Conheça algumas delas a seguir.




A Catho é uma empresa de internet que funciona como um classificado online de currículos e vagas com diversas ferramentas que ajudam os usuários na carreira e no mercado de trabalho. São mais de 200 mil vagas de emprego em todo o Brasil e você tem 7 dias grátis para testar os serviços.


A plataforma da 99jobs, além de te ajudar a conseguir um emprego, possui a premissa de “Faça o que você ama”. Por isso, o perfil do candidato e as vagas são selecionadas de acordo com as características que te aproximam da empresa, ou seja, a busca é mais ligada aos seus valores e desejos profissionais. O cadastro no site é um pouco mais longo, mas vale a pena para encontrar uma empresa que realmente gere um trabalho satisfatório ao profissional.





Você realiza seu trabalho como freelancer? A plataforma da Prolancer oferece vagas permanentes e temporárias com foco em trabalhos remotos, tais como como serviços de programação, web design, tradução e redação. Hoje o site conta com 165 mil profissionais cadastrados e 20 mil empregadores.


A maioria das grandes empresas possuem cadastro ativo no LinkedIn e estão sempre de olho em potenciais candidatos na rede. Crie seu perfil com todas as informações que houver (quanto mais completo e descritivo, melhor!) Acesse a seção de Empregos do site e clique em Pesquisa Avançada para filtrar a busca pelo setor e função da área desejada. Para se candidatar a uma das vagas clique no botão Candidate-se agora ou Candidate-se pelo site da empresa. Caso a plataforma para envio de currículos seja o próprio LinkedIn, basta preencher seu número de telefone, incluir um currículo ou carta de apresentação e depois clicar em Enviar. 



Cursos gratuitos e online do SENAI para auxiliar no seu dia-a-dia e sua carreira


Nós vivemos falando por aqui sobre a importância de economizar dinheiro, sobre habilidades que ajudam em sua rotina e sobre práticas para tornar o seu dia-a-dia melhor. É a partir desses e outros aprendizados simples que vão sendo incorporadas novas habilidades para adquirirmos o controle de nossas vidas.


Para ajudar nisso tudo, você sabia que o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) tem disponível um total de 27 cursos gratuitos em sua plataforma de ensino online? Se você quer impulsionar sua carreira adicionando novos conhecimentos no currículo, aprender mais práticas que te ajudarão na rotina diária ou até partir para uma nova carreira, essa é uma boa oportunidade.



Todos os cursos têm certificação ao final se o aluno garantir até 70% de aproveitamento durante o curso. Após ser aprovado, você mesmo pode emitir o documento online. Para fazer a inscrição é só acessar a plataforma aqui, escolher seu curso e seguir as etapas. Conheça as opções que existem na plataforma a seguir.




Opções de cursos online e gratuitos do SENAI 




Administrando o seu dinheiro 
Comunicação Efetiva 
Comunicação no Foco Organizacional 
Consumo Consciente de Energia 
Desenho Arquitetônico 
Educação Ambiental 
Empreendedorismo 
Ética e Cidadania 
Finanças Pessoais 
Fundamentos de Logística 
Indústria da Cerâmica Vermelha: Trabalho Seguro e Organizado, EPIs e EPCs 
Indústria da Madeira: Colheita, Empilhadeiras, Enlonamento e EPIs 
Indústria de Cal e Calcário: EPIs, EPCs, Movimentação de Cargas e Situações de Emergência 
Indústria Moveleira: Máquinas, EPIs e EPCs 
Legislação Trabalhista 
Lógica de Programação 
Matemática Básica e Inclusão Digital 
Metrologia 
Noções Básicas de Mecânica Automotiva 
Prevenção ao Câncer de Pele 
Propriedade Intelectual 
Qualidade no Atendimento e Postura Profissional 
Redação Administrativa 
Segurança do Trabalho 
Tecnologia da Informação e Comunicação 
Trabalho em Altura 
Trabalho em Espaços Confinados 
segunda-feira, 25 de setembro de 2017




Publicamente...Tradicionalistas acusam o Papa Francisco de “propagar heresias”!



Depois de uma série de anúncios via Twitter vindos de perfis autointitulados como “anti-Francisco”, 62 conservadores de 20 países divulgaram carta para “corrigir” supostas posições heréticas do Papa.



O domingo foi quente para o Papa Francisco. Depois de uma série de anúncios via Twitter vindos de sites autodenominados como sendo “anti-Francisco”, 62 tradicionalistas de 20 países divulgaram à meia-noite de ultimo sábado (23) uma carta intitulada “Correção filial sobre a propagação de heresias”, afirmando que o Papa defendeu sete posições heréticas sobre a vida moral e os sacramentos em sua Exortação Apostólica Amoris Laetitia e em declarações públicas.



A carta, segundo seus signatários, foi entregue ao Sumo Pontífice no último dia 11 de agosto e, como não obteve resposta, foi tornada pública. De acordo com eles, isso não ocorre desde a Idade Média, quando o Papa João XXII foi corrigido publicamente em 1333 pelos chamados “espiritualistas”, que o consideravam pouco exigente com os pecadores.




A missiva, porém, não tem a assinatura de nenhum cardeal, mesmo dos mais críticos à gestão de Francisco, como Raymond Burke, Walter Brandmueller e Joachim Meisner que solicitaram, em 2016, um esclarecimento ao papa sobre os temas tratados na exortação. Apenas um bispo assina a carta, mas este não está em comunhão com a Santa Sé: Bernard Fellay é superior da sociedade separatista São Pio X, fundada por Marcel Lefèbvre, religioso que não aceitou as decisões tomadas no Concílio Vaticano II. Os outros são teólogos, professores, jornalistas, historiadores e sacerdotes de sites tradicionalistas, lefebvrianos e da extrema-direita católica (contrários a qualquer tipo de acompanhamento pastoral aos chamados “pecadores”). Também assinam o documento Ettore Gotti Tedeschi, ex-presidente do Banco do Vaticano, afastado do cargo em 2012, e Antonio Livi, ex-reitor da faculdade de Filosofia da Pontifícia Universidade Lateranense de Roma.




“Escândalos para a fé e a moral vieram à Igreja e ao mundo pela publicação de Amores Laetitia e por outros atos pelos quais Sua Santidade tornou suficientemente claro o escopo e o propósito deste documento. Heresias e outros erros espalharam-se pela Igreja em consequência disso”, afirma o documento de 25 páginas.




Leia na íntegra a exortação Amoris Laetitia e a Correção filial sobre a propagação de heresias




O documento questiona, entre outros pontos, a posição da Amoris Laetitia (número 298 da carta) sobre o tratamento que se deve dar dentro da Igreja a pessoas divorciadas vivendo em novas uniões.




Francisco expôs em Amoris Laetitia, no número 246, que “o divórcio é um mal, e é muito preocupante o aumento do número de divórcios”. Por isso, continuou o Papa, “a nossa tarefa pastoral mais importante relativamente às famílias é reforçar o amor e ajudar a curar as feridas, para podermos impedir o avanço deste drama do nosso tempo”. Depois, explicou que há situações muito diferentes em que é necessário um “discernimento pessoal e pastoral” para cada uma delas. “Sabemos que não existem ‘receitas simples’”, insistiu.




Para os autores da carta, com esse texto e outras atitudes, o Papa teria cometido “sete heresias”:




• A recusa em confirmar, em resposta aos cardeais Burke, Caffara (já falecido), Brandmüller e Meisner, que a Amoris Laetitia não abole cinco dos ensinamentos da fé católica;




• A intervenção no Sínodo da Família, em 2015, para a aprovação da posição de que os divorciados vivendo em novas uniões pudessem receber os sacramentos, a depender de uma análise “caso a caso”;




• A confirmação, em resposta a uma jornalista, das interpretações do cardeal Schönborn que permitem a comunhão a divorciados vivendo em novas uniões, ainda que o Papa reiterou que deve ser estudado “caso a caso”;




• Uma carta, endereçada a bispos argentinos, em que o Papa supostamente confirmaria que a interpretação correta da Amoris Laetitia permite a comunhão de divorciados vivendo em novas uniões;




• Diretrizes para a diocese de Roma que supostamente permitiriam a comunhão, em certas circunstâncias, para adúlteros e divorciados vivendo em novas uniões;




• A nomeação de religiosos que, para eles, discordariam de ensinamentos da Igreja para postos de influência, com destaque para o arcebispo Vincenzo Paglia e o cardeal Kevin Farrel;




• A não correção de uma matéria do jornal Osservatore Romano, que noticiou uma interpretação da Amoris Laetitia pelos bispos de Malta e de Gonzo que permitiriam a comunhão para adúlteros;




Os signatários do documento recorreram ao direito canônico para mostrar que o Papa, agindo dessa forma, não estava em posição de infalibilidade papal e que, portanto, a comunidade dos fiéis tem o direito e o dever de corrigir o pontífice de acordo com a posição oficial da Igreja. Eles dizem, no entanto, que não estão em posição de acusar o papa do pecado de heresia.



Causas



Para os autores da carta, duas posições de fundo ajudariam a explicar as tendências heréticas que se espalharam pela Igreja a partir da edição da Amoris Laetitia e das atitudes do Papa Francisco: o modernismo e a simpatia por Martinho Lutero, o primeiro protestante reformista.




“A concepção católica da revelação divina é frequentemente negada pelos teólogos contemporâneos, e essa negação levou a uma generalizada confusão entre os católicos sobre a natureza da revelação divina e da fé”, afirmam. “Em segundo lugar, sentimo-nos obrigados em consciência a nos referir às simpatias em precedentes de Sua Santidade por Martinho Lutero, e à afinidade entre as ideias de Lutero sobre a lei, a justificação e o casamento e aquelas ensinadas ou favorecidas por Sua Santidade em Amoris Laetitia e em outros lugares”, dizem ainda.




18/09/2017
General do Exército ameaça ‘impor solução’ para crise política no país






















Um general da ativa no Exército, Antonio Hamilton Mourão, secretário de economia e finanças da Força, afirmou, em palestra promovida pela maçonaria em Brasília na última sexta-feira (15), que seus “companheiros do Alto Comando do Exército” entendem que uma “intervenção militar” poderá ser adotada se o Judiciário “não solucionar o problema político”, em referência à corrupção de políticos.

Mourão disse que poderá chegar um momento em que os militares terão que “impor isso” [ação militar] e que essa “imposição não será fácil”. Segundo ele, seus “companheiros” do Alto Comando do Exército avaliam que ainda não é o momento para a ação, mas ela poderá ocorrer após “aproximações sucessivas”.

“Até chegar o momento em que ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor isso.”

O general afirmou ainda: “Então, se tiver que haver, haverá [ação militar]. Mas hoje nós consideramos que as aproximações sucessivas terão que ser feitas”. Segundo o general, o Exército teria “planejamentos muito bem feitos” sobre o assunto, mas não os detalhou.

Natural de Porto Alegre (RS) e no Exército desde 1972, o general é o mesmo que, em outubro de 2015, foi exonerado do Comando Militar do Sul, em Porto Alegre, pelo comandante do Exército, Eduardo Villas Bôas, e transferido para Brasília, em tese para um cargo burocrático sem comando sobre tropas armadas, após fazer críticas ao governo de Dilma Rousseff. Um oficial sob seu comando também fez na época uma homenagem póstuma ao coronel Brilhante Ustra, acusado de inúmeros crimes de tortura e assassinatos na ditadura militar.

A palestra de sexta-feira (15) foi promovida por uma loja maçônica de Brasília e acompanhada por integrantes do Rio de Janeiro e de Santa Catarina, entre outros.

Segundo o vídeo de duas horas e 20 minutos que registra o evento, postado na internet, Mourão foi apresentado no evento como “irmão”, isto é, membro da maçonaria do Rio Grande do Sul.

Ele se definiu como “eterno integrante da [comunidade de] inteligência”, tendo sido graduado como oficial de inteligência na ESNI (Escola do Serviço Nacional de Informações). Criado após o golpe militar de 64 e extinto em 1990, o SNI era o braço de inteligência do aparato de repressão militar para ajudar a localizar e prender opositores do governo militar, incluindo sindicalistas, estudantes e militantes da esquerda armada.

Um dos organizadores do evento, o “irmão” Manoel Penha, brincou, no início da palestra, que havia outros militares à paisana na plateia, com “seu terninho preto, sua camisa social”. Ele afirmou em tom de ironia: “A intervenção que foi pedida, se feita, será feita com muito amor”.
18/09/2017
Comandante do Exército critica fala de general que defendeu intervenção

O general do Exército da ativa Antonio Hamilton Martins Mourão falou por três vezes na possibilidade de intervenção militar diante da crise enfrentada pelo País, caso a situação não seja resolvida pelas próprias instituições. A afirmação foi feita em palestra realizada na noite de sexta-feira, 15, na Loja Maçônica Grande Oriente, em Brasília, após o então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciar pela segunda vez o presidente Michel Temer por participação em organização criminosa e obstrução de justiça. Janot deixou o cargo nesta segunda-feira.

A atitude do general causou desconforto em Brasília. Oficiais-generais ouvidos pelo jornal “O Estado de S. Paulo” criticaram a afirmação de Mourão, considerada desnecessária neste momento de crise.

“Ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor isso”, disse Mourão em palestra gravada, justificando que “desde o começo da crise o nosso comandante definiu um tripé para a atuação do Exército: legalidade, legitimidade e que o Exército não seja um fator de instabilidade”.

O general Mourão seguiu afirmando que “os Poderes terão que buscar uma solução, se não conseguirem, chegará a hora em que teremos que impor uma solução… e essa imposição não será fácil, ela trará problemas”. Por fim, acrescentou lembrando o juramento que os militares fizeram de “compromisso com a Pátria, independente de sermos aplaudidos ou não”. E encerrou: “O que interessa é termos a consciência tranquila de que fizemos o melhor e que buscamos, de qualquer maneira, atingir esse objetivo. Então, se tiver que haver haverá”.

Procurado neste domingo, Mourão explicou, no entanto, que não estava “insuflando nada” ou “pregando intervenção militar” e que a interpretação das suas palavras “é livre”. Ele afirmou que falava em seu nome, não no do Exército.

Ao jornal, o comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, foi enfático e disse que “não há qualquer possibilidade” de intervenção militar. “Desde 1985 não somos responsáveis por turbulência na vida nacional e assim vai prosseguir. Além disso, o emprego nosso será sempre por iniciativa de um dos Poderes”, afirmou Villas Bôas, acrescentando que a Força defende “a manutenção da democracia, a preservação da Constituição, além da proteção das instituições”.

Depois de salientar que “internamente já foi conversado e o problema está superado”, o comandante do Exército insistiu que qualquer emprego de Forças Armadas será por iniciativa de um dos Poderes. No sábado, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, conversou com o comandante do Exército, que telefonou para o general Mourão para saber o que havia ocorrido. O general, então, explicou o contexto das declarações.

Blog do JP.

sábado, 16 de setembro de 2017


Desde maio passado, quando deixou a SEJUC, Virgulino mantém a mesma linha contra o crime, quando sustenta que “a ordem é para matar qualquer um que atire em um policial


O ex-titular da Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania do Rio Grande do Norte (SEJUC), Walber Virgulino – hoje, delegado na Seccional de Guarabira, na Paraíba – pode ter mudado de cidade, não de postura. Quando o assunto é bandidagem, o jogo é duro: ”A polícia não pode ser refém. É preciso impor a lei e não se pode perder para os criminosos”.

Desde maio passado, quando deixou a SEJUC, Virgulino mantém a mesma linha contra o crime, quando sustenta que “a ordem é para matar qualquer um que atire em um policial”. Ele ainda ressaltou que “bandido tem que ter medo de polícia. Estou procurando um bandido pra me desafiar.”

Virgulino disse que seu posicionamento é firme, mas que não deixa de cumprir a lei. “Quando digo que é pra matar bandido que atire em policial, estou dizendo que vamos reagir e não vamos ter medo de bandido. E isso é legal”.

Sobre retaliações que ele sofre de quem defende os direitos humanos, o Delegado declarou que “tem gente travestida de político. Tem defensores dos Direitos Humanos travestidos”.

Fonte: Com informações do site policia24horas.ga 


                                       







   Junior Barros Variedades 16/09/2017

07/09/17
Publicado por Robson Pires na categoria 
As prisões no país da Independência

O Brasil sempre foi um País controverso. Da nossa colonização para cá, somos um festival de contradições.
A Independência foi proclamada por um herdeiro do trono de Portugal.
Dizem que recomendada pelo Rei dom João VI para que a coisa ficasse em família. De lá pra cá, os governantes e políticos seguem à risca a inspiração.
Na República, vivemos tanto sob regimes autoritários e ditaduras quanto regidos por governos democráticos.
Em 1964, os militares usaram o pretexto da ‘democracia’ para derrubar um governo eleito e afugentar o fantasma do ‘comunismo’.
O Golpe de 1930, cujo estopim foi a morte do paraibano João Pessoa, é intitulado por muitos de Revolução.
Já o impeachment de uma presidente, regido sob as regras constitucionais e vigiado pelo Supremo Tribunal, é tido por outros como golpe.
O primeiro presidente eleito pelo voto, pós-redemocratização, foi cassado. Tempos depois considerado pela Justiça “inocente” das acusações. Ganhou de presente um mandato no Senado, a Casa Alta.
A instabilidade política, portanto, é uma de nossas marcas.
O, até então, líder da Oposição, Aécio Neves, foi pego fazendo exatamente o que denunciava contra seus adversários, o PT. Ficou nu.
No vácuo de Parlamento e Executivo, o Judiciário governa, indiretamente, mais do que julga. E é o Poder menos transparente.
Na guerra política instalada, agentes públicos (juízes e procuradores), em ação no cumprimento dos seus deveres, são achacados por militantes partidários como bandidos e os agentes políticos, achados em deslizes, passam de réus a heróis.
Mesmo livre, o Brasil ainda é um país de muitas prisões.
A principal delas é o cárcere que submete a grande maioria dos seus cidadãos a uma vida de sacrifícios e privações para manter e bancar o gozo e o privilégio de uma aquinhoada minoria.
Tal qual nos tempos de Colônia.

Por Heron Cid




Anúncio de 800 policiais para reforçar segurança no Rio de Janeiro, pelo presidente Michel Temer, foi para… enganar os bestas. Veja a capa do Globo.












Facada na humanidade.



O presidente Michel Temer e os ministros da área econômica do governo já assinaram o decreto de autoriza o aumento de impostos sobre combustíveis. 



O anúncio oficial deverá ocorrer amanhã, mas os brasileiros e brasileiras já podem se preparar para o aumento.

O governo pretende arrecadar cerca de R$ 11 bilhões neste ano com o aumento do PIS/Cofins dos combustíveis, que recairá sobre a gasolina, diesel e etanol.



Quase o mesmo dinheiro usado para comprar o apoio de deputados que planejavam votar pela abertura da investigação de Temer.






O presidente Michel Temer trabalha para aprovar a previdenciária, que vai tirar direitos dos trabalhadores brasileiros.



Alega que o país está falido e joga a conta na cara de quem trabalha honestamente.



Mas, para ae manter no cargo que a honestidade não permite, compra deputados.



Pega o dinheiro que diz não ter para liberar para parlamentares em troca de votos.



Traduzindo: compra votos.



Coisa de bilhões.



E o dinheiro para pagar o que na justiça eleitoral se chama corrupção, quem vai pagar é…o povo que trabalha honestamente



Hoje o presidente anuncia o reajuste no imposto que incide sobre os preços dos combustíveis.


Diz que é para tentar cumprir a meta fiscal, quando na verdade quer cumprir a meta eleitoral.



Tomo a liberdade de convidar a população Pauferrense e Região para participar neste dia (20) Terça feira as 09:00hs da audiência pública “Pela Retomada das Obras do Eixo Norte da Transposição do Rio São Francisco”, na UERN em Pau dos Ferros/RN. 

Vereador Sargento Monteiro.



Homem liberado no sábado volta à cadeia na madrugada desta segunda
Por Dinarte Assunção


O desembargador Cláudio Santos determinou a prisão preventiva de Elito Francisco Vilela da Silva, preso no fim de semana pela Polícia Federal por tráfico de drogas e liberado logo em seguida após audiência de custódia.

O magistrado de segundo grau oficiou a Polícia Federal sobre sua decisão e o cumprimento da prisão foi realizado ainda durante a madrugada.

Elito foi preso após ser apanhado com mais de 8 quilos de cocaína e uma pistola calibre 380.

Ainda no sábado, ele foi liberado pelo juiz Jessé de Andrade Alexandria, da Central de Flagrantes da Comarca de Natal. O magistrado levou em consideração. O magistrado levou em consideração não haver mandados de prisão contra Elito, que também não responde por nenhum crime.

Ação

A ação ocorreu quando os policiais investigavam informações dando conta de que organizações criminosas da região sudeste do país estariam enviando para o Rio Grande do Norte, drogas e armas através de transportadoras em caminhões do tipo “cegonha”.

Os policiais então, na última sexta-feira, utilizando um cão farejador do BPCHOQUE, fiscalizaram uma empresa localizada na zona sul da capital. Pouco tempo depois, um veículo, com indicativo de droga no seu interior, foi encontrado. A PF passou a vigiar o local e ficou aguardando a chegada da pessoa que receberia o carro, que só apareceu 24h depois.

Ele foi seguido até o conjunto Ponta Negra onde, depois de abordado, foi conduzido para a sede da PF. Ali, após uma minuciosa vistoria os policiais acharam ocultos numa cavidade do painel do carro, enrolados em sacos plásticos, os tabletes da cocaína, a arma e um carregador parcialmente municiado.

O homem recebeu voz de prisão e em seguida foi autuado em flagrante, indiciado pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma.

Portal no Ar
Junior da Barros Variedades


Terça-feira, 20 de junho de 2017






PM’s do Destacamento Policial de Tenente Ananias/RN cumpriram no início da tarde desta terça-feira(20), um mandado de prisão em desfavor da pessoa de Francisco Leandro dos Santos, que se encontrava em uma residência na cidade do Lastro/PB. 

O sargento Franky e seus comandados receberam a ordem de prisão e seguiram para o Estado da Paraíba, após tomar conhecimento do paradeiro do sentenciado, o mesmo foi condenado a seis anos de prisão por infligir o artigo 213 do Código Penal Brasileiro(CPB), pelo poder judiciário da Comarca de Marcelino Vieira/RN.
Leandro foi entregue ao sistema prisional do RN.

Junior Barros






A Direção Geral do Campus Pau dos Ferros do IFRN, através do EDITAL Nº 11/2017-DG/PF/IFRN, torna público o Processo Seletivo Simplificado (PSS) para seleção e contratação, por tempo determinado, de professores substitutos.
O edital disponibiliza cinco vagas para docentes do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT), distribuídas entre as disciplinas: “Política e Gestão Escolar”, “Didática”, “Matemática”, “Biologia”, e “Química”, cada uma com regime de trabalho semanal de 40 horas.
As inscrições devem ser realizadas exclusivamente via internet a partir das 8h do dia 20 de junho de 2017 até às 23h59min do dia 29 de junho de 2017, através do endereço: http://professorsubstituto.ifrn.edu.br . Candidatos que desejarem solicitar isenção de pagamento da taxa de inscrição, têm os idas 20 e 21 de junho para fazê-lo, seguindo os preceitos do item 5.6 do Edital.
O Processo Seletivo Simplificado é constituído de uma prova de desempenho (eliminatória e classificatória) e de uma prova de títulos (classificatória). A realização da prova de desempenho e entrega dos títulos está prevista para o dia 8/7/2017 e o resultado final da seleção está previsto para o dia 20/7/2017.
Tirado do blog do capote.

Vereador Renato Alves sofreu infarto ainda na câmara de vereadores, logo após o termino da sessão ordinária, o irmão dele percebeu que o vereador estava passando mal e socorreu o mesmo, juntamente com outros vereadores que estavam na sessão, Renato Alves foi atendido pelos médicos e está com o quadro estável, graças a Deus. 

Estimamos a melhora do nobre vereador.





O colunista Junior da Barros Variedades faz oração em prol da sua saúde irmão Renato.






































IFRN: Campus Pau dos Ferros inicia experiência com o Programa ‘Jovem Aprendiz’




Em março deste ano, o Programa ‘Jovem Aprendiz’ do IFRN foi apresentado oficialmente no Campus Pau dos Ferros. E agora, no mês de junho, tem a experiência iniciada com os primeiros jovens estudantes. 


Segundo a Lei da Aprendizagem, um jovem aprendiz é aquele que está estudando em uma instituição pública ou privada e trabalhando ao mesmo tempo. Neste meio tempo, o jovem irá receber uma formação única para a profissão em que está se profissionalizando. 


Foi durante visita de Thiago Loureiro, responsável pela Assessoria de Relações com o Mundo do Trabalho (ASREMT), do IFRN, que os alunos puderam conhecer melhor o Programa, como é o caso das concluintes do curso técnico integrado em Alimentos, Eduarda Cristina Silva (19 anos) e Gabriela Martins Gomes de Souza (19 anos), que iniciaram a sua experiência de trabalho no Programa Jovem Aprendiz. 


Na última quinta-feira, 1º, as alunas viveram seu primeiro dia de trabalho, no Supermercado Queiroz, primeira empresa em Pau dos Ferros a fazer parceria e admitir estudantes do IFRN para o Programa Jovem Aprendiz. No IFRN, as alunas são orientadas pelo Professor e Coordenador do Curso de Alimentos, Gleison Oliveira. BLOG DO CAPOTE





Detran prorroga taxa de licenciamento de veículos com placas final 0 





08/06/2017







Americano, Brian Lloyd, de 62 anos, tenta dar uma volta ao mundo em um pequeno avião de apenas uma hélice. Natal não ficou de fora do itinerário. O piloto aterrissou com o monomotor em solo potiguar nesta quarta-feira, 7. 



No começo da tarde, Brian chegou ao Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante. O local acabou sendo escolhido para o pouso que antes estava marcado para uma pista na Lagoa do Bonfim, em Nísia Floresta. A aterrissagem, inclusive, teria ocorrido na segunda-feira não fossem os problemas técnicos enfrentados na estadia em Fortaleza, no Ceará. 




Brian foi recebido por um grupo de entusiastas da aviação. Em uma foto cedida ao PORTAL NO AR, o piloto aparece sorridente e à vontade, de bermuda e mochila nas costas, ao lado de três homens que participaram da recepção a ele ainda no aeroporto. 




O americano saiu de São Gonçalo para almoçar no Restaurante Pinga Fogo, em Ponta Negra, na capital potiguar. Nesta quinta-feira, 8, ele deve decolar já no começo do dia para atravessar o Oceano Atlântico. O destino é Dakar, a capital do Senegal, no continente africano. 




O projeto do americano é concluir a rota iniciada pela compatriota dele, Amelia Earhart. Em 1937, quando tinha 40 anos, ela desapareceu no Oceano Pacífico ao tentar contornar o globo e nunca foi encontrada. 


A viagem de Brian começou no dia 1º de junho quando o aviador partiu dos Estados Unidos com destino a Fortaleza. Ele vai sobrevoar o mundo em dois meses, sozinho, a bordo do avião batizado de Spirit. A aeronave tem apenas um motor. 

O público pode rastrear o voo pela internet, nas redes sociais e também através dos radioamadores. 


Para ver a página no Facebook clique AQUI



Para acessar o site do projeto clique AQUI


Blog do jp


TRISTE REALIDADE 

- Eu estava lá, observava atento quando o algoz se aproximara da pobre vítima, o meliante sacou a arma e anunciou o roubo, logo que vi meu tirocínio de policial me mandou agir, PORÉM lembrei do Ministério Público, da sociedade que me condena, da minha família que espera por mim. Foi quando decidi não agir. A pobre mulher assustada nem tentou reagir ao assalto, se quer teve reação, o bandido (vítima da sociedade opressora), sem motivos e mesmo em posse do bem dispara contra a pobre mulher, tirando-lhe não somente a vida, como também os sonhos, ela já caiu desfalecida, o ladrão levou sua moto, a vida e os sonhos daquela mulher. Não reagi, liguei 190 "e passei a bomba para quem estava de serviço", afinal é isso que o estatuto determina que eu faça, fui para minha casa, fui recebido por minha esposa e filhos, MP não alegou que eu fui truculento ao reagir ao roubo de uma pobre vítima da sociedade que roubara para comer, OAB não emitiu nota em meu desfavor, minha arma não ficou apreendida para perícia, não gastei minha munição (que custa 10 reais cada e o Estado não me dá), comissão de direitos humanos não emitiu depoimento contra mim e a mídia se quer noticiou a morte da pobre inocente vítima de latrocínio, pois isso não dá ibope,  o que dá ibope é polícia matando “vítimas da sociedade (bandido)”. Eu estava lá, mas foi como se não estivesse. 



 O PROBLEMA SERÁ QUANDO TODO POLICIAL COMEÇAR A AGIR ASSIM... Aí o caos se instaurará, e o leviatã verdadeiramente aparecerá! 

 Esse é o desabafo de um profissional que faz parte da instituição, que quando perto incomoda e quando longe faz falta. 



Polícia!!! 

Fonte: WhatsApp











A bomba de combustível dentro do tanque é um motor elétrico que aquece ao longo do uso. Quando o tanque está na reserva, o fluxo de combustível frio é menor e faz com que a bomba trabalhe em temperatura mais elevada, o que pode causar desgaste prematuro, reduzindo sua vida útil. Além disso, o tanque pode conter sedimentos no fundo e o uso constante da reserva aumenta a chance de ocorrer algum entupimento no sistema.



Lembre-se: evite andar com o carro na reserva.



Para mais informações e curiosidades, fique atento às nossas redes sociais.





facebooktwitteryoutubeinstagram
Fiat
Fiat








Hoje em dia, os carros vêm com sistema de injeção eletrônica, que identifica a descida e automaticamente interrompe o fluxo de combustível para o motor. Além disso, é uma questão de segurança usar o freio-motor nas descidas.

Então, agora você já sabe: nada de ponto morto na descida!

Para mais informações e curiosidades, fique atento às nossas redes sociais.
























--> Arrobamento em uma residência na Zona Rural de Marcelino Vieira.

MUITO LUXO E RIQUEZA, ESTA É A VIDA DE MUITOS FAMOSOS. 














COLUNISTA:  Júnior da Barros Variedades.




Nenhum comentário:

Postar um comentário