. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Tentativa de assalto a banco em Milagres deixa 12 mortos, dentre eles pessoas de uma mesma família

Corpos dos criminosos ficaram do lado de fora do necrotério do Hospital. Foto: Reprodução

Noite de terror nesta madrugada na cidade de Milagres. Tentativa de assalto a banco, acaba em tiroteio, e com bandidos mortos e policias feridos…



Uma tentativa de assalto a dois bancos, por volta das 2h15 desta sexta-feira (7), terminou com 12 mortos no município de Milagres, na região do Cariri, a 487 km de Fortaleza. A quadrilha de assaltantes foi surpreendida pelos policiais no momento da ação. Entre os mortos, estão cinco pessoas da mesma família e outro homem não identificado que foram feitos reféns pelos bandidos.

O prefeito de Milagres, Lielson Landim, confirmou em entrevista à rádio Band News FM que metade das vítimas era refém e os outros seis mortos faziam parte do grupo criminoso. Os nomes das vítimas ainda não foram confirmados oficialmente.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), duas pessoas suspeitas de participarem da ação foram conduzidas para a delegacia da Polícia Civil. Uma pistola 9 milímetros, um revólver calibre 38, uma arma calibre 12 e explosivos foram apreendidos.

Equipes do Grupo de Ações Táticas Especial (Gate), do Comando Tático Rural (Cotar), da Força Tática (FT) e do Batalhão de Divisas – da PMCE – e da delegacia de Brejo Santo participam das buscas. Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) também foi destacada para auxiliar na operação.Três veículos envolvidos na ocorrência, sendo um Celta e duas caminhonetes, forma apreendidos. Equipes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) realizam trabalho de levantamento de vestígios nos locais.

O secretário de Segurança Pública, André Costa, prometeu uma avaliação imparcial da operação policial.

“Temos que ser responsáveis e aguardar o trabalho de investigação. Aguardar a apuração que vai ser feita de forma imparcial e isenta. Esse trabalho que vai dizer o que aconteceu e como foi a dinâmica. Só assim a gente vai poder avaliar se houve ou não alguma atuação que poderia ser melhor por parte da polícia“, relatou André Costa, em entrevista coletiva, na manhã desta sexta-feira (7).
Terror em Milagres

Testemunhas afirmam que um intenso tiroteio durou cerca de 20 minutos na cidade durante a madrugada. Em um vídeo feito por um morador, é possível ouvir o barulho dos tiros. Conforme a SSPDS, a Polícia já investigava a atuação de grupos criminosos contra bancos.


Antes de chegarem ao banco, os bandidos teriam roubado um caminhão e utilizado o veículo para interditar as vias que dão acesso ao município. Uma família que seguia de Juazeiro do Norte para Serra Talhada, em Pernambuco, foi abordada pelo grupo e feita refém. Um homem não identificado está entre as vítimas feitas reféns, mas não se sabe como ele foi abordado. A SSPDS não divulgou nome dos mortos.

O Tribuna do Ceará apurou que uma das vítimas seria João Batista Magalhães, proprietário de uma loja de informatica em Serra Talhada. Com ele, estava o filho Vinícius Magalhães, de 13 anos; a cunhada, identificada como Neide, o esposo dela e uma criança. Pai e filho teriam pego os parentes no aeroporto de Juazeiro do Norte.

Segundo a comerciante Eliane Alves, que possui um comércio ao lado da loja de informática, os moradores estão chocados com o ocorrido.”Estamos todos sem acreditar. Ele era muito conhecido por aqui, estamos em choque. Mataram ele e a família quase toda”, relata a comerciante.

Suspeitos invadem casa

Suspeitos invadiram a casa de um agricultor para fugir da Polícia em Milagres. (Foto: Reprodução/Miséria)

Após assalto frustrado na município de Milagres, dois suspeitos tentaram fugir para a zona rural da cidade, mas foram surpreendidos pela Polícia. Ao perceberem a chegada dos policiais, eles invadiram uma casa. Um deles se escondeu embaixo da cama onde dormia uma criança e o outro deitou-se nela, cobrindo-se com um lençol.

“Entraram dentro do meu quarto, um ficou debaixo da minha cama e o outro se enrolou na minha cama com meu próprio lençol em cima da casa. Minha filha que vai completar 5 anos estava em cima da minha cama, eu entrei lá, abracei ela e tirei ela chorando e os policiais ficaram com eles lá”, disse o agricultor dono da residência.

O homem que tentou se esconder embaixo da cama foi morto, e o outro detido.

Portal TV Cariri