. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

A ‘gerentona’ Dilma quebrou uma loja de R$ 1,99 e o País; Fátima Bezerra, que “nunca administrou um pé de bodega”, vai quebrar o RN



Lula da Silva, em 2010, ao lançar o poste Dilma Rousseff à Presidência da República, disse que ela era uma “gerentona’. Ele esqueceu de dizer, na época, que sua pupila conseguiu a façanha de quebrar sua loja de bugigangas, em Porto Alegre-RS, daquelas cujos preços é R$ 1,99.

E não deu outra. Eleita, e reeleita em 2014, assim como fizera com seu empreendimento particular, quebrou, afundou o Brasil.

Pois BeM . . .

Tomando como exemplo o desastre administrativo de Dilma Rousseff no País, o Rio Grande do Norte poderá ter, também, a sua Dilma, com o nome de Fátima Bezerra.

Quem ilustrou, com maestria, a similaridade, foi o candidato a presidente, Ciro Gomes (PDT). No último sábado, 22, durante visita à cidade de João Câmara, na região do Mato Grande potiguar, ele disse que a senadora do ‘GÓPI’, Fátima Bezerra, candidata ao Governo do RN pelo PT, nunca administrou nem um “pé de bodega” e que, por isso, não teria experiência suficiente para ser governadora.

Ora, se Dilma, que era rotulada de ‘gerentona’, ‘mãe do PAC’ e tinha vasta ‘experiência’ (rsrsrs) na área empresarial, faliu uma loja de R$ 1,99 e o País, imagine Fátima Bezerra, que nunca foi caixa nem de uma mercearia!

Se eleita, vai quebrar o Estado em menos de três meses.

‘Viuge!’

Fonte: Capote