. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Homem da cidade de João Dias RN, é executado a tiros em Mossoró


A cidade de Mossoró, localizada na região Oeste do Rio Grande do Norte, registrou por volta das 03h20min desta madrugada de segunda-feira (30), mais um homicídio provocado por disparos de arma de fogo. 

O crime aconteceu na Rua Rodrigues Alves, numa localidade denominada de "Baixinha", próximo ao restaurante Germanos, no Conjunto Abolição I, onde a vítima identificada como Antônio Fagner de Lima, 33 anos, natural de João Dias/RN, foi executado a tiros em via pública. 

Uma equipe de socorristas do Samu ainda foi ao local, mas nada pode fazer, uma vez que a vítima já estava em óbito. Políciais da VTR Ronda Cidadã, composta pelo cabo Sidney e o soldado Barbosa, isolaram o local do crime até a chegada da Polícia Civil e da equipe do ITEP. 

Os moradores da área onde ocorreu o crime, informaram à polícia, que a vítima era desconhecida e que não morava naquela localidade e que ouviram barulho de moto e de uma carro saindo do local, após os disparos. 

De acordo com o perito criminal Dr. Otávio Domingos, a vítima foi atingida com cerca de cinco disparos,nas regiões da cabeça,costas, torax e mão, possivelmente de revolver, uma vez que não foram encontradas capsulas no local. 

O delegado de plantão Dr. Dilton Nascimento, esteve no local do crime, fazendo os primeiros levantamentos e informou que até o momento, não há uma linha de investigação, uma vez que ninguém deu qualquer informação sobre o corrido e também por causa do horário, 03h20min, em que a vítima foi executada 

Após os procedimentos de perícia realizados no local, o corpo de Antônio Fagner de Lima, foi recolhido e encaminhado a base do ITEP onde será necropsiado e depois liberado para sepultamento. 


Com mais um homicídio registrado em Mossoró, a cidade chega nesta segunda feira (30) aos 194 assassinatos no ano de 2017. O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Nenhum comentário:

Postar um comentário