. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

ATO DE SOLIDARIEDADE

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Homens cavam a própria cova antes de serem mortos e queimados no RS


Execução em Gravataí
Um vídeo que circula nas redes sociais mostra a execução de dois homens na cidade de em Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS). A data da gravação não foi confirmada pela polícia civil gaúcha, mas se especula que o caso tenha ocorrido entre os dias 20 e 27 de agosto. Dois suspeitos de envolvimento no crime foram presos nesta segunda-feira, 28, com armas e celulares que continham as imagens das mortes.


A polícia civil gaúcha segue em busca dos corpos dos homens executados. Eles foram identificados como Vagner da Rosa da Rosa, de 17 anos, e Vitor Mateus da Rosa, de 22 anos. Os dois eram primos. A gravação foi realizada numa área conhecida como no Loteamento Xará, na zona rural de Gravataí.

O vídeo mostra os criminosos anunciando que os assassinatos ocorreriam devido à guerra do tráfico de drogas. 




A gravação feita por um celular mostra dois homens cavando uma cova. Vagner da Rosa cava o buraco e é observado pelo primo, Vitor Mateus. Logo em seguida, ele se deitam no local. As vítimas demonstram estar cientes da execução. Ele permanecem calados durante toda a gravação. Os dois alvos recebem mais de 10 tiros. Após a execução, um produto inflamável é jogado na cova e o local é incendiado. O vídeo é encerrado quando um dos algozes começa a cobrir o buraco com terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário