. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

quinta-feira, 20 de outubro de 2016


A cidade de José da Penha, no Oeste potiguar, entrou para a lista de cidades em colapso de abastecimento no estado. De acordo com a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), chega a 22 o número de cidades sem fornecimento regular de água.
De acordo com a Caern, o motivo da suspensão é a perd a da capacidade de abastecimento pelo manancial que fornece água para a cidade, o Açude Barra, tanto em relação ao volume de água, quanto à qualidade.
Com a parada no abastecimento, a companhia decidiu pela suspensão da cobrança do faturamento na cidade a partir do mês de outubro. Ainda de acordo com a companhia, o abastecimento de José da Penha só será retomado quando o manancial recuperar seu potencial de captação de água.
Atualmente, o Rio Grande do Norte tem 22 cidades em colapso e 71 em rodízio no abastecimento. Estão em colapso as cidades de Almino Afonso, Antônio Martins, Campo Grande, Cruzeta, Francisco Dantas,Frutuoso Gomes, Janduís, João Dias, José da Penha, Luís Gomes, Marcelino Vieira, Martins, Messias Targino, Paraná, Paraú,Patu, Pilões, Rafael Fernandes, São Miguel, Serrinha Dos Pintos, Tenente Ananias e Triunfo Potiguar.

*G1 RN