. populares img:hover{ -ms-transform: rotate(-10deg); -webkit-transform: rotate(-10deg); -moz-transform: rotate(-10deg); -o-transform: rotate(-10deg); transform: rotate(-10deg);}
Ultimas

O PASSADO PELO PRESENTE

PROVEDOR DE INTERNET

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Bancada do RN decide emendas para 2014; veja indicações


Congresso Nacional analisa projeto do Orçamento da União para 2014
Os senadores e deputados federais do Rio Grande do Norte decidiram, ontem, em Brasília, as emendas de bancada para o Orçamento Geral da União (OGU) para 2014. Cada proposta ao projeto do OGU, em tramitação no Congresso Nacional, é no valor de R$ 40 milhões.

O senador José Agripino (DEM) indicou “Fortalecimento de Infraestrutura Hídrica: Aquisição de Equipamentos”; o senador senador Paulo Davim (PV), “Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde no Município de Natal e o senador Garibaldi Alves (PMDB), “Apoio a Política Nacional de Desenvolvimento Urbano para a cidade de Natal”.
Já em relação aos deputados federais, João Maia reservou recursos para “Trecho Rodoviário no Estado do Rio Grande do Norte”; Fátima Bezerra, “Apoio ao Desenvolvimento da Educação Básica”; Sandra Rosado, “Reurbanização e Reestruturação do Campi de Mossoró”; Felipe Maia,  “Apoio à Política Nacional de Desenvolvimento Urbano para a Cidade de Natal.”
Já Betinho Rosado indicou “Aquisição de Equipamentos de Saúde”; Paulo Wagner, “Aquisição de Equipamentos (Caminhão Equipado com Compactador para Lixo)”, Fábio Faria, “Construção da Barragem Bujari” e Henrique Alves informou estar definindo sua emenda.
Acordo
Das 15 emendas da bancada do RN, 11 foram sugeridas por cada parlamentar. As demais resultaram de consenso entre deputados e senadores: Universidade Estadual Do Rio Grande do Norte (Uern); Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa); Governo do Estado (Segurança Pública) e Liga Norte-Riograndense Contra o Câncer.
Outras três emendas, de remanejamento de recursos, contemplam pleito da Federação dos Municípios do RN (Femurn) para construção da BR 406 ligando Macau, Afonso Bezerra, Pedro Avelino e divisa RN/PB, além do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) e Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário